WOMCY LATAM chega ao Nordeste com o apoio do Porto Digital

A escassez de mão de obra no setor de Segurança da Informação é de 4 milhões de profissionais no mundo, segundo pesquisa do ISC2 em 2019, o que representa uma grande oportunidade para alavancar e estimular a carreira nesse setor com a inclusão de mais mulheres e gêneros. No Nordeste, não é diferente. Atualmente, 11,9 milhões de brasileiros estão desempregadas, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). De acordo com a Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (Brasscom), o setor de Tecnologia da Informação enfrenta um gap de vagas, cerca de 299 mil em aberto até 2024.

Diante desse cenário, Recife tem mais gente com tecnologia per capita do que outras cidades do Brasil e o Estado concentra um dos maiores polos digitais do mundo, o Porto Digital. Mas isso não é suficiente. Por isso, a WOMCY Brasil, que completou um ano de atuação no País neste mês de outubro, quer abarcar mais mulheres no setor de segurança da informação, com evento de lançamento no dia 28 de outubro, a partir das 19h. Para participar basta se inscrever gratuitamente no link https://bit.ly/349GDwO.  

“É preciso criar mecanismos e programas para resolver esse gap. Com uma grande representatividade geográfica, criar um Capítulo da WOMCY no Nordeste representa abrir espaço para incentivar e formar mais profissionais no mercado, além de aumentar a taxa de participação de mulheres e outros gêneros em Segurança da Informação. Isso porque a WOMCY conta com diferentes programas, que vão desde suporte aos voluntariados, mentorias, treinamentos, cursos, parcerias com importantes programas de ensino, como a Academia da CISCO, e convênio com empresas”, destaca Flávia Brito, CEO da BidWeb Security IT e Líder do Capítulo WOMCY Nordeste, que terá como uma de suas missões a aproximação da WOMCY Brasil com o Porto Digital, para consolidá-la em uma das regiões mais importantes do país, proporcionando o desenvolvimento do setor de Cibersegurança. Flávia também foi uma das vencedoras do Prêmio Top Women 2020.

“A inauguração do capítulo da WOMCY no Nordeste é uma conquista mais do que especial para a comunidade e o mercado de Cybersecurity. Faz parte da missão da WOMCY chegar a quem precisa e apoiar as carreiras de mulheres especiais, fortes, resilientes e determinadas, além de reconhecer talentos onde quer que estejam. Desta forma, estamos muito felizes em poder ter foco nos talentos do nordeste, região que certamente nos proporcionará muitas oportunidades de potencializar os sonhos de mulheres maravilhosas.”, cita Andréa Thomé, Líder do Capítulo da WOMCY no Brasil.

Exército feminino em LATAM

A Womcy promove a criação de redes, a orientação e a entrega de programas especiais para ajudar a promover a carreira e a conscientização da segurança cibernética. Letícia Gammil é a presidente da instituição para LATAM, englobando México, Miami, Colômbia, Chile, Brasil, Peru, Argentina, Equador, Uruguai, Paraguai, Bolívia e Venezuela, Canadá, Estados Unidos, dentre outros países. No capítulo liderado por Andréa Thomé no Brasil, há uma iniciativa diferenciada, com a presença dos homens para fomentar a educação no universo de cybersecurity denominada WOMCY He For She.

A comunidade Womcy proporciona networking, palestras, cursos, mentoria e desenvolvimento profissional para mulheres que iniciam sua carreira em segurança cibernética ou que já possuam uma carreira estabelecida. Para aqueles que estão apenas começando sua carreira ou estão investigando carreiras em segurança cibernética, a WOMCY fornece suporte e rede para apoiar suas habilidades e associar um novo membro a um líder experiente por meio de uma comunidade integrada.

O que a WOMCY oferece

A Womcy está estruturada em três grandes pilares: corporativo, educacional e fundamentos. A ideia é abranger as esferas do universo de segurança da informação, estimulando o conhecimento e a presença feminina no setor, crescente ano a ano. Dessa forma, é possível integrar todo ecossistema envolvendo as empresas, eventos, escolas, universidades, fundações e associações.

Os membros e voluntários da WOMCY, podem, no mundo corporativo, participar do programa (i) Womcy Talks, que leva palestras informativas sobre tendências de segurança cibernética, (ii) do Womcy Mentoring, que provê mentoria a mulheres que desejam crescer profissionalmente no mundo da segurança cibernética e (iii) do Womcy Talent, que visa realizar o encontro de talentos com vagas do mundo corporativo, além de prover programas de capacitação.

No pilar educacional, há a preocupação de fomentar a cultura de segurança de dados e por isso os voluntários e membros podem participar (i) do programa Womcy Girls que leva palestras para meninas de 7 a 14 anos, sobre carreiras STEM (Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática), (ii) do Womcy Geek, que leva conscientização sobre ameaças cibernéticas para crianças e jovens de 7 a 17 anos, (iii) do Womcy Jobs, voltado para homens e mulheres universitários provendo um plano de carreira especializado e ainda, (iv) do Womcy Tech que também atende estudantes das universidades, com o objetivo de ampliar os conhecimentos em segurança da informação por meio de palestras, gamificação e hackatons, entre outras atividades.

No pilar fundamentos, a ONG desenvolveu o programa Womcy Give, voltado para doação do tempo das Womcies (voluntárias), a organizações dedicadas a mulheres e crianças com poucos recursos por intermédio de uma ou mais atividades dos programas oferecidos pela WOMCY. Nesse mesmo pilar, o Womcy Back recebe doações de tempo e recursos financeiros por parte de membros, voluntários, apoiadores e patrocinadores para sustentação dos programas da ONG.Para ingressar na comunidade Womcy, basta fazer o cadastro no link https://www.womcy.org/pt/membro-individual/.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *